Postagem de Sexta #3

IOTechWeek, Presuntinho e a volta do cartão de visitas

Chegamos a mais uma postagem com o que rolou essa semana.Você que já é nosso leitor sabe que (quase) toda sexta-feira faço uma postagem aqui com uma espécie de resumo da semana.

Quando comecei a escrever no blog de forma mais consistente, lá pelo ano de 2016, os leitores geralmente eram alunos, ex-alunos além de colegas e ex-colegas da área de tecnologia. Interessante que depois que os assuntos foram se diversificando, mesmo tendo uma linha central no blog, outras pessoas acabaram aparecendo. E alguns já me retornaram pessoalmente ou por email, gostando das postagens. Então, continuemos.

Até semana passada estava em uma outra plataforma, realmente muito prática e minimalista, mas que limitava até mesmo a interação com os leitores. Agora, parece que está dando certo aqui no Substack. Você pode, por exemplo, “curtir” as postagens e fazer comentários abaixo.

E claro, você deve assinar para receber direto em seu email, caso não receba !

Essa semana foi de muito trabalho, nós conseguimos outro cupom do curso de Podcasts além de termos também migrado o contato com nossos alunos também para a plataforma Substack.

Eu comentei também aqui essa semana sobre o evento e a palestra que farei na segunda-feira. Para quem não viu, segue link para inscrição (gratuita): http://www.iotechweek.com.br/.

Ouça agora episódio novo do Podcast com Presunto

(Dica: O podcast NÃO é sobre esse presunto aí não)

Hoje gravei mais um episódio do BacciottiCast, depois de um tempo parado. Foi uma conversa rápido com o Presuntinho sobre a organização do evento da semana que vem.

Você pode ouvir o episódio clicando aqui.

E sigam o BacciottiCast no Spotify. Breve passaremos o podcast aqui para a plataforma Substack também, só estou terminando de fazer alguns testes.

(É desse presunto aí que to falando)

Cartão de visitas virtual

Eu comentei em uma das postagens sobre nosso cartão virtual da Baciotti Cursos (ele tá aqui se você não viu). Hoje ainda tem muita gente que usa cartão de visitas físico, impresso. Porém os sistemas operacionais dos smartphones permitem também que você troque informações com facilidade emulando uma “troca de cartões” onde você passa um contato seu, com todos os seus dados e pega o contato da outra pessoa também.

Eu usei por um tempo o About.me com o objetivo de fazer um cartão virtual. É prático, mas a versão premium do serviço é cara para os padrões brasileiros.

Acabei fazendo um novo cartão em um subdomínio específico, ficou até bonito. Você pode acessar aqui se quiser.

Eu montei o cartão acima usando um serviço muito bacana. Custa 19 dólares POR ANO e você pode montar até 10 sites diferentes (não só cartões, claro), depois dê uma olhada no Carrd. Esse link é um link de indicação do serviço, então se você gostar pode comprar por esse link que também nos ajuda :).

Tá quase acabando o expediente, faz então assim:

Coloque esse vídeo em tela cheia, aumente o volume do fone de ouvido e aprecie esses japoneses tocando Bach com um xilofone gigante dentro de um bosque (cantata “Herz und Mund und Tat und Leben”).

Fui para o bosque porque queria viver deliberadamente, defrontar-me apenas com os fatos essenciais da vida, e ver se podia aprender o que tinha a me ensinar, em vez de descobrir à hora da morte que não tinha vivido.
Henry David Thoreau